Sobre

O Centro tem sua origem em 2012, como um projeto do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos – uma Organização Social supervisionada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação -, constituindo-se ulteriormente, em outubro de 2013,  em uma associação civil sem fins lucrativos. No momento de sua fundação oficial como entidade independente, associaram-se ao Centro 54 pessoas, dentre intelectuais, profissionais do setor público e privado, e membros da academia. Destacam-se dentre os membros fundadores os professores Maria da Conceição Tavares, Luiz Gongaza Belluzzo, João Manuel Cardoso de Melo e Ricardo Bielshowsky, os então Ministros Aloizio Mercadante, Clélio Campolina e Marco Antônio Raupp, o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães além de outros intelectuais de grande expressão. Atualmente, o Centro tem sua sede em Campinas e opera simultaneamente no Rio de Janeiro e em Brasília, além de promover suas atividades em diversos estados da Federação. Seu Conselho de Administração está constituído por pessoas selecionadas por seu notório saber, reputação ilibada e compromisso com o desenvolvimento do Brasil, incluindo representantes de nove universidades públicas (Universidade Federal do Rio de Janeiro; Universidade Estadual de Campinas; Universidade de Brasília; Universidade Federal do Ceará, Universidades Federal de Minas Gerais, Universidade Federal da Bahia, Universidade Federal do Pará, Universidade Federal de Uberlândia e Universidade Federal de Pernambuco) e de outras Instituições relevantes envolvidas no processo de desenvolvimento nacional.

Nos últimos anos, o Centro realizou mais de duas dezenas de eventos nacionais e internacionais em parceria com instituições brasileiras e multilaterais. Estes eventos, juntamente com a realização de pesquisas acadêmicas e a promoção de um curso de especialização voltado ao funcionalismo público de alto nível, têm contribuído significativamente para que o Centro impulsione não apenas uma agenda de debates estratégicos mas, também, promova a articulação entre intelectuais, especialistas e formuladores de políticas públicas.